Vantagens

Poupe na Conta de Luz
Poupe na Conta de Luz

Nos diga o quanto quer economizar na conta de luz. Podemos reduzi-la em até 95%.

Lucre com o investimento
Lucre com o investimento

Obtenha retorno maior que a poupança e supere até investimentos tradicionais

Ajude o Planeta!
Ajude o Planeta!

Dez módulos FV poupam 600 árvores e 50t de CO2 não serão lançados na atmosfera

Valorize o seu imóvel
Valorize o seu imóvel

Seu imóvel é valorizado de imediato. Pesquisas sugerem essa valorização em até 10%!

Como Funciona

Durante o dia, a luz solar que incide nas placas é absorvida e transformada em corrente elétrica, do tipo corrente contínua (CC)

A corrente elétrica proveniente das placas não é compatível com a rede elétrica, então é necessário um inversor, que é o responsável por convertê-la em corrente alternada (CA);

A corrente alternada, que é compatível com a rede elétrica, é consumida pelas lâmpadas, eletrodomésticos e outros aparelhos de sua residência ou empresa;

O excesso de energia gerada é injetado na rede de distribuição elétrica, gerando créditos energéticos, que podem ser utilizados em até 60 meses.

Passo a Passo

1. Faça sua Consulta Grátis

Avaliação e análise de viabilidade financeira e do potencial de economia

2. Elaboração de Proposta

Propostas 100% personalizadas para atender sua necessidade específica!

3. Negócio Fechado

Com a proposta em mãos, você já pode fechar negócio

4. Documentação

É enviada a documentação para a concessionária e realizada a solicitação de acesso à rede

5. Instalação

Será iniciada a instalação no local planejado

6. Efetivação e Monitoramento

A distribuidora ativará seu sistema. Agora você poderá monitorar sua economia em tempo real!

Quem Somos

Missão
Missão

Nossa instituição quer levar a todos as possibilidades criadas pelas novas tecnologias sempre atrelada a uma visão de mundo onde prevaleça o desenvolvimento sustentável.

Visão
Visão

Sabemos da importância de uma rápida transformação da matriz energética mundial para uma não poluente. Pretendemos não medir esforços para atingirmos tal objetivo de tornar o planeta mais justo, limpo e sustentável.

Valores
Valores

Nos comprometemos a lidar com os nossos clientes e colaboradores com transparência e honestidade, prezando pelo respeito ao próximo e mantendo sempre a ética como um dos pilares em nosso dia-a-dia.

5 +
ANOS DE EXPERIÊNCIA
150 +
PROJETOS LICENCIADOS
300 +
CLIENTES
150 +
PROJETOS COMPLETADOS

Perguntas e Respostas Frequentes

1. Por que energia solar é um bom negócio?

Atualmente, o preço unitário (kwh) da energia solar já é mais barato que a energia que utilizamos das concessionárias de energia. O Sol, o único recurso que precisamos, é inesgotável! Além disso, com o aumento das tarifas de energia elétrica ocorridas no final de 2014, a geração solar ficou ainda mais atrativa do ponto de vista financeiro. Assim, levando em consideração o contexto energético brasileiro, a tendência é que novos aumentos das tarifas aconteçam. Ao optar por possuir um sistema solar fotovoltaico, você estará imune aos aumentos tarifários, pois você estará gerando sua própria energia a partir de uma fonte inesgotável e limpa.

2. Quais as vantagens ambientais da energia fotovoltaica e por que devo me preocupar com o meio-ambiente já que temos as hidrelétricas?

São muitas as vantagens ambientais de se produzir a própria energia a partir de uma fonte limpa e renovável. Afinal, vivemos uma crise ambiental sem precedentes já comprovada pela ciência, dessa forma pensarmos e agirmos de forma sustentável é uma urgência em todos os níveis. No caso do Brasil, é sabido que utilizamos boa parte de nossa matriz elétrica de fontes hidroelétricas. Contudo a sustentabilidade de nossa matriz elétrica corre grande risco, uma vez que as mudanças climáticas decorrentes da crise ambiental nos trouxeram um período de forte seca nos reservatórios entre 2011 e 2014, assim havendo a necessidade do acionamento das térmicas produzindo energia a partir do carvão. Nesse período, emitiu-se em gases poluentes o equivalente ao desmatamento de mais de 418.000 campos de futebol! Então, dessa forma, fica evidente a preocupação e a busca por uma matriz energética 100% renovável e limpa, combinando as fontes limpas já existentes com a geração solar fotovoltaica. Faça a sua parte.

3. O sistema valoriza meu imóvel?

Sim, tomando como exemplo os Estados Unidos, onde este marcado é mais maduro, foi verificado uma valorização média de 8% nos imóveis que possuem sistemas fotovoltaicos (fonte: SunPower). A tendência é que no Brasil percorra o mesmo caminho, tendo em vista que uma casa com sistema de energia solar tem uma conta de luz muito abaixo de uma casa e essa fato agrega valor ao imóvel. Em outras palavras, caso você queira vender o seu imóvel posteriormente, o valor do investimento que foi aplicado em seu sistema solar fotovoltaico será, em geral, acrescido ao valor do imóvel.

4. Posso instalar energia solar no meu apartamento (prédio)?

Sim, mas somente se você for o dono da cobertura ou se o condomínio possuir uma área para instalar painéis para uso comum. Painéis instalados em fachadas de prédios são caros e mais complexos, além disso, é necessário verificar a política do condomínio para alterar a fachada.

5. Quantos dias são necessários para montar o sistema FV na minha casa?

É simples, normalmente a instalação é realizada entre 1 e 2 dias, dependendo do tamanho do sistema e também das condições de acesso ao telhado/terraço da unidade consumidora. De forma geral as instalações são realizadas em 2 dias.

6. Em quanto tempo vou recuperar o valor investido? Quantos anos dura um sistema de energia solar fotovoltaica?

O retorno do investimento depende de quanto o seu sistema fotovoltaico produz de energia e do preço da tarifa cobrada pela concessionária local. Atualmente, o retorno do investimento está entre 5 e 9 anos, podendo diminuir devido as altas inflações energéticas. Um sistema fotovoltaico possui uma vida útil de 25 anos, sendo que após esse período ele não perde totalmente sua utilidade, e sim, passa a operar com uma eficiência mais baixa (em média, um painel fotovoltaico perde 0,7% de sua eficiência por ano).

7. Consigo zerar minha conta de luz?

Não. Mesmo se o seu projeto tenha sido feito para produzir toda a energia que é consumida, ainda assim você pagará um valor mínimo referente à taxa de disponibilidade de energia da concessionária e iluminação pública.

8. Se até o fim do mês eu produzir mais energia do que eu consumi eu posso vender este excedente para a distribuidora?

Não. A política vigente no Brasil é chamada de Sistema de Compensação de Energia Elétrica (Net Metering), onde você fornece à rede de distribuição a energia excedente e com isso cria créditos energéticos que são válidos por até 60 meses. Isso quer dizer que você poderá usar os créditos por até 5 anos contatos a partir do dia em que ele foi gerado, todavia, a política brasileira não paga monetariamente o excedente e sim em forma de energia (kWh).

9. Posso compensar meus créditos de energia em outro endereço?

Pode! Agora com a nova Resolução 687 da Aneel você poderá compensar seus créditos de energia em outro endereço, sem a necessidade da conta de luz estar sob o mesmo CPF ou CNPJ que o da unidade geradora dos créditos. Então para isso, será preciso somente comprovar o vínculo entre os titulares.

10. Qual o cenário de aumento da tarifa elétrica das concessionárias para os próximos anos?

A matriz elétrica brasileira ainda é altamente dependente da fonte hidroelétrica e o Brasil viveu no período de 2011-2015 uma das mais intensas estiagens já registradas. Em função dessa escassez de precipitações grande parte dos reservatórios de nossas usinas hidrelétricas ainda estão em níveis muito baixos o que levou ao governo a tomar medidas para manter a demanda por energia por uma fonte extremamente poluente e cara, as térmicas. Esse movimento levou ao aumento de mais de 50% da tarifa de energia no período. Além disso, o ritmo de construção de novas usinas vem caindo, devido ao esgotamento de grandes rios que suportem novos empreendimentos, aliado às questões ambientais. Dessa forma, as mudanças climáticas entorno de nossa principal fonte, as hidrelétricas, em conjunto com a ausência de investimento em outras fontes renováveis, limpas e baratas torna o preço da energia elétrica nos próximos anos imprevisível, sendo mais provável que haja outros períodos de estiagens e elevações das tarifas.

11. Quais as vantagens que terei se houver racionamento?

Caso ocorra um novo racionamento no Brasil, como ocorrido em 2001, onde foi fixado um limite máximo de consumo de energia elétrica nas casas, os consumidores que possuírem um sistema solar terão vantagem pois produzirão sua própria energia, e o melhor, de forma limpa e sustentável.

12. Se acabar a luz da rua o meu sistema de energia solar continua funcionando?

Se você possuir um sistema solar conectado à rede ele desligará por razões de segurança, evitando algum acidente ou danos ao seu sistema. Ou seja, se acabar a luz da rua você também ficará sem luz, a não ser que você possua um sistema solar autônomo, onde neste caso, a sua energia estará armazenada em baterias e você continuará com luz (solução muito cara).

13. Eu posso ligar somente o meu ar-condicionado ou geladeira com energia solar?

Um sistema solar conectado à rede é conectado ao quadro de luz, ou seja, a energia gerada é distribuída para todos os aparelhos. No entanto, o seu sistema solar pode ser projetado para suprir somente a demanda energética dos aparelhos que desejar. Faça uma simulação!

14. E se chover granizo? Os painéis solares são resistentes ao granizo?

Sim! Os painéis são muito resistentes e foram projetados para suportar climas severos e impactos.

15. O sistema de energia solar faz barulho?

Não, ele é super silencioso.

16. Qual a manutenção necessária após a instalação do sistema? Qual o custo disso? Quem faz?

A manutenção anual limita-se a uma limpeza das placas (quando for necessário) com água. Como se você estivesse limpando um vidro de sujeira no seu telhado. Se chover a chuva fará este trabalho para você, caso fique muito tempo sem chuva (mais de 6 meses) e você observar que a placa está realmente suja, então o ideal é passar um pano nos painéis.

17. No caso da inutilidade como é feito o descarte? De quem é a responsabilidade?

Os painéis são feitos principalmente de vidro, alumínio e silício purificado (também tem prata e plástico). Todos esses materiais são recicláveis.

18. É possível tornar-se completamente independente da rede elétrica utilizando energia solar?

Sim! São os chamados Sistemas Autônomos. No entanto, é necessário um banco de baterias para armazenar toda a energia que é produzida e o mesmo deve ser capaz de fornecer a energia necessária para suprir a demanda durante a noite e períodos com pouca incidência solar. Para isso, é necessário um grande número de baterias, o que torna essa solução financeiramente inviável, sendo indicada apenas para locais onde não há rede de distribuição elétrica. Em zonas urbanas é mais aconselhável o uso de um sistema conectado à rede.

Entre em Contato

Peça um orçamento

Clique no botão abaixo e preencha o formulário. Quanto mais informações você fornecer, melhor poderemos identificar suas necessidades e indicar o projeto ideal. Não se preocupe, solicitar um orçamento não implica em nenhum compromisso.

Peça um Orçamento



×